Área do Associado:

Esqueci minha senha

Newsletter

Adicionar Remover

Agenda

Associe-se

Associe-se

Notícias

Aumentam as vendas on-line na indústria de panificação nacional

Há alguns anos, as vendas de produtos pela internet tiveram um crescimento exponencial. Segundo dados da e-bit, as vendas on-line em 2001 faturavam apenas R$ 500 milhões e a perspectiva para o ano de 2010 é de que o número de vendas chegue a aproximadamente R$ 11 bilhões. As indústrias de pequeno porte do segmento de panificação também veem com bons olhos a venda pela rede mundial de computadores.

"A nossa venda pela internet representa atualmente 40% do faturamento total. Além de termos um número de 30 mil visitantes por mês em nosso site e de não termos como substituir isso", garante Agenor Camargo, diretor da RCamargo Packing, que está expondo o seu material na Feira Internacional de Panificação, Confeitaria e do Varejo Independente de Alimentos (Fipan 2010), que termina hoje, em São Paulo. Camargo prevê que o mercado on-line deva ter um crescimento de 10% ao ano.

Outra empresa que conta com um grande número de vendas pela internet é a DiVolpi. O proprietário e diretor da empresa, Dino Volpi, em entrevista exclusiva ao DCI garantiu que mais de 50% das vendas da empresa são feitas pelo computador, e revela o segredo: "O primeiro fator que estimula este tipo de venda é a crença do comprador de que pela internet ele vai encontrar um preço menor. Ele também consegue visualizar o produto e entrar em contato direto com o fabricante, para tirar dúvidas, fazendo o contato pelo próprio site".

O diretor da Cimapi, Guilherme Buono, também acredita nesta linha, e afirma: "A gente tem alguns clientes que gostam de olhar melhor o produto, ver mais detalhes da máquina. Os internautas conseguem calcular o frete, e nós assim conseguimos despachar para todos os lugares do País".

Buono diz que a tendência é o crescimento do número de vendas pela internet. "A perspectiva é de que este segmento de compras aumente, e a nossa empresa já esta investindo em melhoras no site." A Cimapi divulgou que as vendas pela internet perfazem cerca de 30% da receita.

Médio porte

Algumas empresas de médio porte ainda não fazem venda pela internet, mas utilizam o seu respectivo site para que o comprador faça consulta e análise de preços e depois entre em contato com a empresa. O objetivo das empresas é garantir até o começo do ano que vem um sistema completo de vendas. Por sua vez, indústrias de grande porte que desenvolvem produtos para padarias que fazem produção em escala industrial não têm a intenção de investir nesse mercado. Para alguns diretores, as máquinas precisam de orientação, análise de mercado, adaptação na padaria, e o investimento nas vendas on-line passa a não ser atrativo.

As indústrias de pequeno porte do segmento de panificação têm visto com bons olhos a venda pela rede mundial de computadores. "A nossa venda pela internet representa atualmente 40% do faturamento total. E temos um número de 30 mil visitantes por mês em nosso site", garante Agenor Camargo, diretor da RCamargo Packing, um dos expositores da Fipan 2010.

Fonte: DCI

Publicado: 23/07/2010
Sindipães | Sindicato da Industria de Panificação e Confeitaria do ES

Endereço

Rua Rosa Vermelha, 700, Novo México, Vila Velha/ES
Telefones: 27 3319-1995 – 3063-3095
Celular VIVO – 27 9 9792-9671
Celular TIM – 27 9 8184-0888 / 9 8184-0607
E-mail: secretaria@sindipaes.org.br

Rede Social

Site desenvolvido por Tribo Propaganda